sábado, 10 de janeiro de 2009

Nunca mais me esqueci...

A nossa memória guarda para sempre os momentos mais marcantes da nossa vida. Alguns exigem um esforço para virem à mente, mas o mais marcante para mim está sempre presente.
Corria o ano de 1996, mais precisamente doze de dezembro. Andava nos tratamentos em S. João da Madeira. A fisioterapeuta estava a trabalhar com outra paciente e eu, impulsionada por uma força que nunca fui capaz de entender, virei-me para ela e disse:
- Ó Berta, eu vou começar de andar.
E dito isto, levantei-me da marquesa e comecei a caminhar de um lado para o outro.
Entretanto, a minha mãe entrou na sala de tratamentos e a Berta disse-lhe:
- Ó D. Clara, não se pode esquecer que a sua filha começou a andar no dia doze de Dezembro!
Nunca mais esquecerei aquele momento tão marcante na minha vida. Que prazer sentir as minhas pernas a andar, ver a alegria e satisfação dos meus pais!
Fui para a cama com a felicidade estampada na cara. Dormi e sonhei que andei muito, num reflexo do que se tinha passado. Porém, quando acordei, quis voltar a andar, mas as minhas pernas não respondiam ao meu apelo. A desilusão foi enorme! Ficou tudo como estava! Mas ainda hoje acalento a ideia de voltar a caminhar normalmente.

4 comentários:

Litty disse...

Luiza que texto lindo:)

vais ver que o teu sonho vai ser realidade:)

beijinho

Anónimo disse...

OBRIGADA LITTY, ES UM ANJO :)
BEIJINHO

11ºE disse...

Lindo texto, continua a sonhar a sonhar profundamente, porque esse sonho será realidade!!!!!

Beijinhos grandes linda...*

Nonny

Anónimo disse...

OBRIGADA NONNY, ES UM ANJO :)
BEIJINHOS