sexta-feira, 31 de outubro de 2008

(A propósito dum debate na aula de Filosofia)

O que é para vocês o amor?

Comentem!!!!

Verónica nº18

18 comentários:

11ºE disse...

O amor é bastante subjectivo, não há nenhuma descriçao concreta do que é, mas certamente é algo que é so vivido uma vez e que é unico

11ºE disse...

O amor é algo único definitivamente, mas não concordo que seja vivido apenas uma vez, pois o amor vai-se construindo através de cada gesto, de cada palavra, de cada atitude,... se o amor se limitasse a um único momento, e se esse momento durasse um segundo, a vida seria um buraco negro inóspito e vazio... Simplesmente acho que o amor, apesar de raro, pode ser sentido por várias vezes numa só vida, para isso basta apreciarmos as pequenas coisas que caracterizam o outro ser humano.

Verónica Fraga nº18

P.S. - quem é que escreveu o primeiro comentário?

11ºE disse...

Beibe fui eu a Marina,
Sorru esqueci-me de assinar, tens razao verónica, mas pronto eu acho que só e vivido realmente uma vez. Mas pronto, o Amor é mesmo subjectivo.

11ºE disse...

Assinado Marina

11ºE disse...

definitivamente nao concordo nem com a veronica nem com a marina.acredito que apartir do momento em que ama-mos com todo o nosso coraçao, não o voltamos a fazer nunca mais!como se este sentimento fosse decrescendo a cada relação!

helena nr7

Susana disse...

Ai ai, essa do amor, já deu muito que falar..:))

Bem, o amor...

Concordo plenamente com a teoria da Verónica acerca do amor, o amor constroi-se, começa por ser uma paixão que se desenvolve!

O amor emgloba a confiança, a compreensão, a paciência, a persistência, a verdade, entre-ajuda entre muitas outras coisas..



Também concordo com a Marina num aspecto, o amor verdadeiro, uma vez sentido é para sempre, porque o amor tem de ter a sua seriedade, acho que o divórcio é uma estupidez, é desistir de um casamento... Apartir de um principio básico, quando as pessoas casam é porque se amam e querem construir uma vida a dois, com isto, o casal tem de saber superar as suas divergências, e tem de haver uma margem de sacrificio para que o casamento resulte..

Ao longo do tempo que vamos passando com a pessoa que gostamos, afeiçoamo-nos a ela, essa pessoa torna-se tudo pra nos, adapta papeis importantissimos na nossa vida, chegamos a um ponto e apercebemo-nos que definitivamente já nao conseguimos viver sem ela!

E eu penso que o sonho de qualquer pessoa é envelhecer ao lado da pessoa de quem amamos, e acima de tudo, sermos felizes :)


Bem, esta é a perspectiva de uma jovem apaixonada xD



Susana nº14

11ºE disse...

Continuo a achar que o amor verdadeiro, profundo e incondicional não pode acontecer apenas uma vez na vida, muito pelo contrário, pode surgir mais do que uma vez, claro que não será igual ao primeiro, mas a sua beleza não será menor, nem menos verdadeira, se não, caso tivéssemos uma desilusão amorosa na adolescência, saberíamos imediatamente que nunca mais recuperaríamos dessa dor, nem acharíamos ninguém que nos podesse recompor do desgosto... A vida é muito mais bela do que isso, de certeza que o amor não pode ser vivido só uma vez. Para além disso, o amor é uma construção contínua, que vai crescendo de bloco em bloco, logo, é possível alimentar esse sentimento por qualquer pessoa que seja carinhosa, doce, fiel ou bondosa para connosco.

Por isso, para quem teve um desgosto amoroso, não desespere, pois de certeza que a vida e o destino reservam algo para eliminar essa dor, algo se calhar mais profundo e ao mesmo tempo mais racional do que o primeiro amor.

Beijinhos*

Verónica nº 18

Susana n14 disse...

Boa capacidade de argumentação Verónica!!

:) Conseguis-te convencer da tua ideia..

Estou completamente de acordo. Realmente um sentimente tão maravilhoso como o amor, nao pode apenas ser sentido uma vez na vida.
Acredito que se possam amar várias pessoas ao longo da vida, mas com a sua distinção...:) Mas existe sempre aquela, que simplesmente, é especial..

Rafael disse...

O amor para mim é algo que nos da vida,flicidade, o que nos fax andar senpre com um sorrizinho na cara mesmo que esteja "a chover"..
Quando olhamos para a pessoa que nos amamos sentimos um aperto no coraxao, algo inesplicavel que nos corre nas veias e nos aquece,sentindo asim um enorme comforto.amor tambem é "dar a vida por outro",fazer tudo por todo para nao criar "atrito" ente nos,evitar descoxoex,chegar a um conxenxo sem guerra,porque tudo um dia pexa.

Numa paixao as coizas sao diferentes, lotao um pelo outro,dao bejos,tocan-se en sintunia,sentem algo forte mas nao tanto comu quando se ama outra pesoa.
o amor é algo que vem de dentro,algo que por vezes um siples bejo indica tudo...um olhar profundo que parece que nos atrabexa de um lado ao outro...
O amor tambem é algo que nos da vontade de pegar nekela pexoa e levantar voú da li. fazendo nos sentir uns verdadeiros soperhomens/ mulheres..rezistentes a tudo, dando nos forxas sopernaturais e infrentar tudo o que vier.

***eu poxo ser novo mas sei o que sinto por ti,quando te bejo ou te toco,algo reaje em mim,algo forte e enesplicavel.uma simples palavra nao da para esplicar o que sinto por ti, iso sim é amor*****

Susana disse...

:O

:'')

Oh amor, que bonito o que escreves'te.

Com alguns erritos mas tá perfeito!

:) Amo'te muito




ps:. Este Rafael é o Rafa meu namorado.

rafa disse...

eu simplesmente esprexei meus sentimnto,dice o ke sinto por ti...
e tu sabes ke eu por ti deva minha vida sorrindo,pk minh vida sem tinao era vida....


esta sue é a minha namorada :D

Susana disse...

Ai lol, quem andar por aqui e vir estes comentários...^^

Fizes-te bem amor, muito bem ;)

Anónimo disse...

O amor só dá dor de cabeça :(
Hoje em dia cada vez mais as pessoas dizem "Amo-te" da boca pra fora.

Já passei por isso. Agora eu sofre, e ele ri-se...

Susana n14 disse...

:|

Pois

Verónica nº18 disse...

Para anónimo:

O sofrimento há-de passar, podes ter a certeza disso, porque se ele se ri, definitivamente não te merece e acredita que alguém, quer seja daqui a 1 mês ou 1 ano, estará à tua espera, para te dedicar todo o afecto que realmente mereces.

Boa sorte!!!

11ºE disse...

Concordo o comentario de "anonimo"
de facto a palavra "Amo-te" esta cada vez mais a ser banalizada, dizem-o da boca para fora, e eu inconscientemente também o digo mas chego a um momento que me apercebo que não pode ser assim, tenho que medir as palavras e dize-las apenas no momento certo.
Se ele se ri de nós é porque nao presta, é mesmo-

"Quando a gente ama, a quente cuida"
Se essa pessoa te amar nunca na vida irá rir de ti, irá sorrir se tu sorrires , irá chorar se tu também chorares.
Todos passamos por sofrimentos, e agora mais que nunca (na adolescencia) vivemos nisto de chorar como se o mundo tivesse acabado.
Eu sou mesmo assim e uma das coisas que quero superar em mim é mesmo isso,. tornar-me mais forte e lutar contra tudo, pois eu estou viva e tenho que procurar a felicidade ultrapassando sempre todos os obstaculos.



Marina nº11

Verónica nº18 disse...

E depois dizes que tens prazer em me ouvir marina, quando tu é que dominas o nosso blog?... ès espectacular e eu concordo plenamente contigo...

Susana disse...

As minhas meninas é que dominam a falar de amor^^

Tenho muito orgulho de voçês, minhas marias
xDD